PIS: retirada dos benefícios vai até sexta

A Caixa Econômica Federal (CEF) informa que termina na próxima sexta-feira, 27 de abril, o prazo para a retirada dos benefícios do PIS - abonos, rendimentos e quotas. Segundo a Caixa, 17 milhões de pessoas já sacaram o benefício mas muitos trabalhadores ainda não buscaram o abono, rendimento ou quota. O abono salarial do PIS eqüivale a um salário mínimo, o que significa que quem for sacar o benefício, a partir de hoje, irá receber o novo valor de R$ 180,00. Se não for sacado a tempo, o abono salarial retorna para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). Conforme o balanço da Caixa, foram pagos 3,6 milhões de abonos, no valor total de R$ 543 milhões. Cerca de 700 mil trabalhadores ainda têm direito ao benefício. No ano passado o abono foi pago a 3,8 milhões de pessoas. Quem tem direito ao abono salarial Para ter direito ao abono salarial é necessário que o trabalhador atenda às seguintes condições: a) cadastrados no PIS-PASEP até 1995; b) aqueles com média de 02 salários mínimos mensais em 1999;c) os que tenham trabalhado, pelo menos, 30 dias com carteira assinada durante 1999 para empregador contribuinte do PIS-PASEP;d) que tenham os dados informados corretamente pelo empregador na RAIS de 1999.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.