Planos odontológicos crescem mais que os de saúde em 2013

Com destaque para os contratos de pessoas acima de 59 anos, planos odontológicos cresceram 8,2% em 2013, mostra levantamento do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar 

Mariana Congo, Economia & Negócios

28 de março de 2014 | 15h46

SÃO PAULO - Em 2013, o número de beneficiários dos planos odontológicos cresceu acima da média dos planos de saúde médico-hospitalares, confirmando uma tendência de expansão vista na última década.

Para todos tipos de planos, o crescimento foi impulsionado pela maior adesão da terceira idade e pelos contratos empresariais.

A assistência odontológica cresceu 8,2% em 2013 na comparação com 2012, para 20,7 milhões de beneficiários. Já os planos médico-hospitalares expandiram 4,6% no ano passado, para 50,3 milhões de pessoas.

Os dados são de levantamento do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS), com base nas informações das Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) atualizadas nesta semana.

Segundo o IESS, o segmento odontológico tem grande potencial e deve manter o ritmo de crescimento em 2014.

Idade. A faixa acima de 59 anos foi a que mais cresceu em todos os tipos de planos: aumento de 10,4% no atendimento odontológico e de 5,1% no atendimento de saúde. De acordo com a avaliação do IESS, esse aumento é consequência tanto da assinatura de novos contratos quando da migração de antigos beneficiários, que ficaram mais velhos.

Os idosos chegaram a 6,1 milhões de beneficiários de saúde no País em 2013, representando 12,1% do total de contratos. Para Luiz Augusto Carneiro, superintendente-executivo do IESS, o envelhecimento da população é um alerta para a forma de financiamento dos planos de saúde no Brasil. "Com o crescimento do número de idosos em um ritmo superior ao de jovens, o pacto intergeracional pode não se manter sustentável", analisa.

Em destaque, os planos coletivos empresariais registraram avanço de 6,7% em 12 meses, com 33 milhões dos beneficiários, contra crescimento de 1,6% dos planos individuais. Segundo a avaliação da IESS, pequenas e médias empresas têm aumentado as contratações de planos empresariais para seus funcionários.

Tudo o que sabemos sobre:
anssaude

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.