PMI de serviços da China cai para 50,7 em janeiro

O índice de atividade dos gerente de compras (PMI, na sigla em inglês) do setor de serviços da China medido pelo banco HSBC recuou para 50,7 em janeiro, frente a 50,9 em dezembro. Acima de 50, a leitura indica expansão da atividade não industrial em relação ao mês anterior.

MARCELO RIBEIRO SILVA, Agencia Estado

07 de fevereiro de 2014 | 04h57

Na segunda-feira, a Federação Chinesa de Logística e Compra (CFLP, na sigla em inglês) informou que o índice oficial de atividade dos gerente de compras do setor de serviços desacelerou em janeiro para 53,4 de 54,6 em dezembro.

O PMI Composto da China recuou para 50,8 em janeiro, de 51,2 em dezembro, registrando o sexto mês consecutivo de expansão.

Tudo o que sabemos sobre:
chinapmiserviços

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.