finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Polícia prende 130 do grupo Ocupa Chicago

Cerca de 130 manifestantes do Ocupe Chicago foram detidos ontem por se recusarem a deixar o parque público onde acampavam, depois da hora do fechamento do local.

CHICAGO, O Estado de S.Paulo

24 de outubro de 2011 | 03h07

Os protestos, que se estendem por todo os Estados Unidos e também por outros países desde que começaram no mês passado em Nova York, são contra a desigualdade social, os resgates bilionários dos governos aos bancos e o persistente alto nível de desemprego.

A dissolução do protesto no Grand Park, com a prisão de manifestantes ,foi a segunda do Ocupe Chicago em poucos dias. Há uma semana, 175 pessoas foram presas.

Em Londres, a Catedral de St. Paul, que permanece fechada desde sexta-feira por causa da concentração de "indignados" acampados na porta, informou ontem estar perdendo mais de 18 mil por dia.

O reverendo Rob Marshall explicou em uma entrevista a rádio BBC que tem sido uma semana difícil porque, com as portas fechadas - isso não acontecia desde 1940 _, não há turistas nem os fiéis podem fazer suas doações regulares. / AGÊNCIAS INTERNACIONAIS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.