Por segurança, investidor terá acesso online a extrato na Cetip

Portal 'Cetip Meus Investimentos' será acessado por 80 mil investidores

Mariana Congo, O Estado de S.Paulo

05 Outubro 2015 | 02h04

O investidor que aplica em produtos de renda fixa, como debêntures e certificados de recebíveis, agora terá acesso direto ao extrato de suas aplicações por meio de um novo portal da Cetip (central de depósito e registro de ativos e títulos). A página Cetip Meus Investimentos foi lançada no fim de setembro e substitui o extrato impresso que era enviado mensalmente por correio. A transição segue até janeiro.

A mudança obedece à instrução CVM nº 541. O objetivo do portal é dar mais controle e segurança para o investidor checar que suas aplicações estão, de fato, depositadas em seu nome. O sistema lembra o acesso que o investidor de títulos públicos já tem ao site do Tesouro.

Segundo a Cetip, serão cerca de 80 mil contas de pessoas que aplicam em produtos como debêntures (títulos emitidos por empresas), Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI) e Certificado de Recebíveis do Agronegócio (CRA). Derivativos também aparecem na consulta.

"Não queremos substituir o extrato que o banco ou a corretora enviam para o cliente, que traz dados sobre retorno e preço de mercado do título. Nosso objetivo é ser uma fonte independente que garante que o título está no nome do investidor. É questão de segurança", diz Carlos Ratto, diretor executivo comercial e de produto da Cetip.

Para lembrar. Casos recentes reforçam a importância de se ter segurança sobre a custódia dos investimentos. A corretora mineira Corval, liquidada em 2014 pelo Banco Central, fraudava a titularidade de títulos de clientes, que eram depositados, na verdade, em nome da corretora. E depois da liquidação do banco BVA, em 2013, investidores enfrentaram demora na identificação das aplicações para ressarcimento pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

 

Mais conteúdo sobre:
investimentosrenda fixacetip

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.