Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Porsche e Volkswagen anunciarão pré-acordo de fusão

Porsche foi forçada a recorrer à Volks depois que uma tentativa de comprar sua rival muito maior fracassou

Regina Cardeal, da Agência Estado,

12 de agosto de 2009 | 17h05

A Porsche Automobil Holding SE e a Volkswagen AG darão mais um passo para se unir nesta quinta-feira, 13, quando devem anunciar um acordo que deve resultar na captação de recursos muito necessários para a Porsche e posteriormente na integração desta à Volks, disseram fontes próximas às discussões, segundo The Wall Street Journal.

 

Os boards de supervisão das montadoras alemãs devem votar na manhã desta quinta-feira um memorando de entendimento, que será precursor de um acordo de fusão mais firme e detalhado, segundo as fontes.

 

Como parte do acordo, um fundo de investimento apoiado pelo governo do Catar deve emprestar à holding da Porsche 250 milhões de euros (US$ 355 milhões), menos do que o planejado anteriormente, disse uma fonte. O Catar também pode assumir uma participação de 10%, acima do que se previa, na holding da Porsche.

 

A Porsche foi forçada a correr para os braços da Volks depois que uma tentativa de comprar sua rival muito maior fracassou. A Porsche comprou cerca de 50% da Volks, maior montadora da Europa, e garantiu opções para adquirir outros 20%. Mas os cerca de 10 bilhões de euros em dívidas acumuladas no processo se mostraram demasiadamente pesados. Em meio à queda na demanda por veículos, a Porsche agora luta para levantar fundos para pagar esta dívida, que custará sua independência.

 

Como parte do complicado acordo, que no fim fundirá a holding e a unidade de veículos da Porsche na Volkswagen, tanto a Porsche quanto a Volks planejam levantar capital novo. Não está claro de quanto será o aumento de capital, mas, no mês passado, a Porsche disse que venderá novas ações no valor de pelo menos 5 bilhões de euros.

 

Para manter sua participação na montadora de carros de luxo, as famílias Porsche e Piech planejam vender uma unidade de distribuição de veículos com sede na Áustria para a Volkswagen por mais de 3 bilhões de euros, disse uma fonte. O Catar também deve comprar uma participação de 17% na Volks por meio de opções acumuladas pela Porsche, que são avaliadas em até 5 bilhões de euros. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
PorscheVolkswagenfusão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.