Portador de doença grave está isento de IR

Todo segurado portador de doença grave tem direito à isenção de Imposto de Renda sobre rendimentos recebidos a título de aposentadoria, pensão ou reforma - transferência de militar para a reserva. Para conseguir a isenção, a Receita Federal declara que basta que o segurado apresente o laudo médico que atesta a doença à empresa pagadora de seus rendimentos. O documento deve ser emitido por serviço médico oficial da União, dos Estados, do DF ou dos municípios. Mas atenção: no caso de aposentadoria, a isenção do IR só vale para casos constatados de invalidez.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.