coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Portuários vão boicotar mercadorias dos EUA

Sindicatos que integram a Intersindical Portuária estão programando um boicote às mercadorias norte-americanas descarregadas no Porto de Santos, como represália à sobretaxa imposta pelos Estados Unidos ao aço brasileiro.De acordo com o presidente da Intersindical, Everandy Cirino dos Santos, as lideranças sindicais diretamente ligadas ao porto voltam a reunir-se na próxima segunda-feira, a fim de definir a estratégia da retaliação.Os trabalhadores pensam em retardar a descarga de produtos norte-americanos em, pelo menos, uma hora, com o atraso podendo estender-se por período de seis horas ou ainda por um dia.A mobilização também pretende atingir os metalúrgicos, que se reúnem nesta sexta-feira para discutir de que forma poderiam colaborar com os portuários. A Intersindical pretende ampliar o movimento para outros portos, ao anunciar a intenção de solicitar o apoio das federações portuárias.

Agencia Estado,

14 de março de 2002 | 18h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.