Português assumirá Conselho da Energias do Brasil

O presidente executivo do grupo Energias de Portugal (EDP), António Mexia, será o principal responsável do Conselho de Administração da companhia Energias do Brasil, controlada também pela empresa portuguesa, informou, nesta quarta-feira, O Diário Econômico. Mexia substituirá no cargo Jorge Godinho, homem de confiança do presidente anterior do EDP, João Talone.A atividade da Energias do Brasil supõe atualmente cerca de 20% do resultado bruto de exploração do EDP, embora segundo disse seu presidente executivo, Antonio da Costa, possa chegar a 30% em breve.A Energias do Brasil é proprietária de 100% das distribuidoras Bandeirante, Escelsa, Enersul e Magistra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.