bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Positivo investe para ir além dos computadores

A Positivo Informática, maior fabricante de computadores do Brasil, anunciou ontem que vai entrar em um novo nicho de mercado. A empresa vai começar a produzir decodificadores para TV digital (set top boxes), que adaptam o sinal digital aos aparelhos analógicos já existentes. Para isso, a empresa se prepara para instalar uma fábrica em Manaus, a Positivo Informática da Amazônia. Enquanto a documentação para a nova fábrica não fica pronta, a Teikon, que hoje produz placas-mãe (onde vão os componentes do computador) para o grupo, ficará responsável por fabricar as caixas conversoras.O grupo também anunciou ontem a compra, por R$ 8,1 milhões, de uma fabricante de monitores de cristal líquido (LCD) localizada em Ilhéus (BA). Segundo a empresa, a produção própria de monitores trará uma economia de cerca de 7% no custo de aquisição desses produtos.Em relação aos decodificadores para TV digital, o presidente do Grupo Positivo, Hélio Rotenberg não quis revelar o preço, mas deixou claro que será maior que o do decodificador de R$ 200 anunciado pelo ministro das Comunicações, Hélio Costa. ?Esse decoder anunciado é apropriado apenas para pequenas telas, como celulares, não para televisores?, disse. O executivo disse também que serão lançados dois modelos, sendo um deles preparado para transmissões de alta definição. Porém, não terão o recurso da interatividade, pelo menos em um primeiro momento. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.