Poupança recebeu R$ 1,46 bi líquidos em setembro

Os depósitos superaram os saques nas cadernetas de poupança em setembro. Dados divulgados hoje pelo Banco Central mostram que a poupança encerrou o mês passado com captação líquida positiva de R$ 1,461 bilhão. Apesar de positivo, o resultado é 65,09% menor que o registrado em igual mês do ano passado, quando a captação positiva foi de R$ 4,185 bilhões. Na comparação com agosto, a captação líquida caiu 21,62%. A captação líquida em setembro de 2008 foi gerada pelos depósitos de R$ 95,742 bilhões, maior que as retiradas, que somaram R$ 94,280 bilhões no mês passado. Além disso, as contas existentes tiveram rentabilidade de R$ 1,668 bilhão. Na média, as contas renderam 0,69%. Com isso, setembro terminou com R$ 257,638 bilhões aplicados nas cadernetas de poupança em todo o sistema financeiro brasileiro. No acumulado dos nove primeiros meses de 2008, a poupança registra a captação líquida positiva de R$ 10,018 bilhões. O valor é 49,19% menor que o registrado em igual período de 2007, quando os depósitos superaram os saques em R$ 19,719 bilhões.

FERNANDO NAKAGAWA, Agencia Estado

06 Outubro 2008 | 13h44

Mais conteúdo sobre:
poupança captação

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.