Preço da cesta básica sobe 0,45% em setembro, para R$ 207,02

A cesta básica na cidade de São Paulo ficou 0,45% mais cara em setembro, segundo pesquisa do Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Governo do Estado de São Paulo, em convênio com o Dieese. O preço médio da cesta passou de R$ 206,09 em 31 de agosto para R$ 207,02 no último dia 30. Os dados foram divulgados hoje pelo Procon, por meio de nota à imprensa.Apesar da elevação, o custo médio da cesta atualmente ainda está longe do último recorde apurado desde a implantação do Plano Real, de R$ 221,09, apurado em 18 de maio deste ano. No ano até setembro, o preço da cesta ainda está em queda (-4,81%), assim como em 12 meses, de -3,39%.Observando a composição da cesta, apenas o grupo limpeza apresentou queda no período, de 0,17%. Tanto os produtos que pertencem à Alimentação (0,50%) quanto à Higiene Pessoal (0,81%) apresentaram, em média, alta. Na avaliação por item, dos 31 produtos pesquisados, 18 apresentaram elevação de preços, 11 registraram queda e dois permaneceram estáveis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.