Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Preço da gasolina poderá cair 3% com adição do álcool

O Conselho Interministerial do Açúcar e do Álcool publicou hoje no Diário Oficial da União a resolução que fixa em 25% o porcentual obrigatório de adição de álcool etílico anidro combustível à gasolina a partir de 1º junho. Atualmente esse porcentual é de 20%.Segundo o presidente da União da Agroindústria Sucroalcooleira de São Paulo (Unica), Eduardo Pereira de Carvalho, com o aumento da mistura, os preços da gasolina vão cair de 2% a 3% nos postos.A adição de álcool à gasolina já era de 25%, mas por problemas de desabastecimento, esse porcentual foi reduzido desde 1º de fevereiro. Dados apresentados pelos usineiros ao presidente Lula na segunda-feira mostram que os preços do álcool anidro, que é misturado à gasolina, recuaram 26,15% entre 7 de fevereiro e 23 de maio. Os preços do álcool hidratado (combustível) recuaram 21,66%.O presidente Unica informou que os canaviais já plantados e as intenções de plantio para o Sul do País indicam a colheita adicional de 40 milhões a 50 milhões de toneladas de cana-de-açúcar em dois anos. Esse volume adicional pode garantir US$ 1 bilhão em receita na exportação e 100 mil empregos diretos no setor.

Agencia Estado,

27 de maio de 2003 | 16h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.