Preço de casas novas na China cai 0,38% em novembro

Os preços das novas residências recuaram em novembro pelo sétimo mês seguido, mas a um ritmo um pouco mais suave pelo segundo mês consecutivo, após a decisão recente de Pequim de cortar as taxas de juro de referência impulsionar ainda mais o sentimento entre os compradores de casas.

Estadão Conteúdo

30 de novembro de 2014 | 14h39

O preço médio das novas residências recuou 0,38% em novembro, levemente abaixo do recuo de 0,4% em outubro, segundo dados divulgados pelo Sistema de Índice Imobiliário do China.

A queda em setembro marcou o maior declínio em bases mensais desde que a pesquisa começou a ser compilada em 2010. Os preços das residências começaram a cair em bases mensais desde maio deste ano, no primeiro declínio desde junho de 2002.

Das 100 cidades pesquisadas, 76 mostraram um recuo nos preços das residências, das 73 registradas em outubro. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaPreços das Residências

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.