Preço de serviço corporativo do Japão cresce 0,4%

O ritmo de crescimento nos serviços corporativos do Japão enfraqueceu um pouco em março, com algumas empresas limitando suas atividades em meio à incerteza sobre seus resultados, disse nesta quinta-feira o Banco do Japão (BoJ, o banco central do país).O Índice de Preços dos Serviços Corporativos (CSPI) ficou em 94,5, alta de 0,4% em relação a fevereiro e de 0,4% em comparação com o mesmo período do ano anterior, segundo dados divulgados pelo BoJ.A alta do último mês representa o 20º mês seguido de crescimento do CSPI. O ganho ficou abaixo das estimativas dos analistas, que previam uma alta de 0,7%, igual a registrada em fevereiro.A queda continuada nos preços da publicidade contribuiu para a desaceleração dos preços dos serviços corporativos, disse uma autoridade do banco."As companhias japonesas apertaram seus orçamentos para as publicidades veiculadas na TV para o início do novo ano fiscal devido às incertezas sobre suas estimativas de lucro", afirmou a autoridade.Os preços da publicidade caíram 2,5% em março, em termos anualizados, em comparação com a queda de 0,8% em fevereiro.Os preços dos custos dos transportes subiram em março, mas em um ritmo mais lento, à medida que o período de desconto para vôos domésticos durante este mês foi mais longo que o ano anterior. Os preços do transporte subiram 2,6% em março, em termos anualizados, queda em relação à alta de 3,5% registrada em fevereiro. O índice subiu 1,1% no ano fiscal de 2007 encerrado em março, sua maior alta desde 1997, quando aumentou 1,2%. O índice teve elevação de 0,2% no ano fiscal de 2006.O CSPI mede todos os níveis de preços que as companhias pagam pelo transporte, publicidade, comunicações e serviços fornecidos por outras empresas. As informações são da Dow Jones

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.