finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Preço do álcool dispara nas usinas

O preço do álcool disparou nesta semana e já se aproxima dos valores de 2005. A causa é o aumento do consumo, de 40% este ano, e a oferta cada vez mais restrita em razão do final da safra de cana no centro-sul. O preço médio do litro do álcool hidratado subiu 13,14% e o do anidro, 9,03% nas usinas paulistas, segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq). Em 15 dias, o hidratado já acumula alta de 22,34%. A cotação chegou a R$ 0,71698 o litro na usina. O anidro subiu 16,32% em 15 dias, para R$ 0,77765.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.