Preço do álcool nas usinas cai 4,56% no mês de junho

Litro do combustível utilizado para abastecer veículos termina o mês negociado a R$ 0,6653

Gustavo Porto, da Agência Estado,

30 de junho de 2008 | 12h12

Mesmo com as altas nas duas últimas semanas, o preço médio do litro do álcool combustível nas usinas paulistas recuou mais de 4% em junho, ante maio, de acordo com levantamento do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea/Esalq), divulgado nesta segunda-feira, 30.  Veja também:Álcool ou Gasolina? Calcule a opção mais econômica   O hidratado, que abastece os veículos a álcool ou flex fuel, foi negociado, em média, a R$ 0,6653 o litro nas usinas de São Paulo este mês, queda de 4,56% ante os R$ 0,6971 da média de maio. O anidro, misturado em 25% à gasolina, recuou 4,2% nos mesmos períodos, de R$ 0,8215 para R$ 0,7870, o litro, em média. O preço do álcool nas unidades produtoras paulistas em junho deste ano, mesmo com o recuo sobre maio, apresentou forte recuperação, em valores absolutos, sobre igual período do ano passado. O hidratado foi negociado na média deste mês com um valor 13,16% superior aos R$ 0,5879 da média de junho de 2007.  Para o anidro, a alta foi de 16,57% ante os R$ 0,6751 do mesmo mês do ano passado. Só nas duas últimas semanas, em plena safra de cana-de-açúcar no Centro-Sul do Brasil, o preço médio do hidratado disparou 13,16% e o aumento do anidro foi de 6,97%, de acordo com dados do Cepea/Esalq. Com as altas, o valor médio absoluto do litro do hidratado na última semana de junho deste ano já é 25,3% superior aos R$ 0,5765 da última semana de junho de 2007. O preço médio do anidro supera em 23,9% os R$ 0,6622 o litro de igual período do ano passado.

Tudo o que sabemos sobre:
ÁlcoolCombustíveis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.