Daniel Teixeira / Estadão
Daniel Teixeira / Estadão

Preço do aluguel de imóveis cai 0,11% em novembro, 18º queda em 19 meses

Recuo em novembro, porém, foi mais brando do que em outubro, quando a retração atingiu 0,17%, de acordo com pesquisa FipeZap

Circe Bonatelli, Broadcast

15 de dezembro de 2016 | 11h31

SÃO PAULO - O preço anunciado de locação dos imóveis residenciais caiu 0,11% em novembro na comparação com outubro, de acordo com pesquisa realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) com base nos anúncios do site Zap Imóveis em 11 cidades. O recuo de novembro foi o 18º nos últimos 19 meses.

A queda de 0,11% em novembro, porém, foi mais branda do que em outubro, quando a retração atingiu 0,17%. Segundo o levantamento, o recuo no acumulado do ano chegou a 3,21%. Com a baixa, o preço médio do metro quadrado de locação chegou a R$ 30,00.

No mês de novembro, nove das onze cidades monitoradas pela pesquisa mostraram quedas nominais no preço anunciado dos aluguéis. O Rio de Janeiro apresentou o maior recuo no mês (-0,47%), seguido por Curitiba (-0,28%) e Porto Alegre (-0,20%). São Paulo, a maior cidade do País, teve baixa de 0,10.

Apenas Salvador e o Distrito Federal tiveram elevação nos preços dos aluguéis, que subiram 0,15% e 0,89% respectivamente.

A pesquisa também mostrou que a relação entre os valores de locação e os valores dos imóveis - medida que representa a rentabilidade do ativo - ficou em 4,4% em novembro.

O preço de locação tem sido afetado pelo excesso de imóveis disponíveis para comercialização. Como muitos proprietários não conseguiram efetivar uma venda, decidiram direcionar o imóvel para locação, repassando custos como condomínio, IPTU e manutenção. Além disso, muitos consumidores estão reticentes em fechar negócios devido ao cenário econômico incerto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.