Preço do combustível não cai já, diz ministério

O Ministério das Minas e Energia informou, em nota distribuída à imprensa no final desta manhã, que o governo decidiu ontem que os preços dos combustíveis não sofrerão redução enquanto os preços internacionais do petróleo estiverem em alta. A nota diz ainda que esta elevação dos preços do petróleo no mercado internacional se deve à crise na Nigéria. A ministra das Minas e Energia, Dilma Roussef ? que ainda ontem acenou com uma redução do preço dos combustíveis -, dará entrevista no Banco do Nordeste, em Fortaleza, sobre o assunto. A decisão de ontem, de condicionar a queda dos preços ao efeito da crise na Nigéria sobre o petróleo, foi tomada nesta terça em reunião entre os ministros das Minas e Energia, Dilma Roussef, e da Fazenda, Antonio Palocci, além do presidente da Petrobras, José Eduardo Dutra. Estas notícias abaixo são de ontem à tarde: Ministra diz que preço de combustível pode cair nesta semana Preço do gás de cozinha pode cair R$ 10, afirma secretário

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.