Preço do tomate já chega a R$ 20,00 nas feiras de SP por causa do calor

Feirantes alegam que a falta de chuvas e o calor nas últimas semanas elevaram o preço do produto, que foi um dos vilões da inflação no ano passado 

Márcia de Chiara, do Estadão,

09 de março de 2014 | 18h25

SÃO PAULO - Os efeitos da forte seca e das altas temperaturas que atingiram o Sudeste do País desde o início deste ano já começaram a aparecer nas feiras livres de São Paulo.

Em algumas feiras livres da Capital, como a da Rua Oscar Freire na estação Sumaré do Metrô, o quilo do tomate já chega a R$ 20,00 para uma variedade holandesa.

O tomate caqui, para salada, foi vendido a R$ 10 o quilo neste domingo, 9. Para estimular a freguesia que estava assustada com o custo do tomate para salada e macarronada, o feirante avisava que na próxima semana o quilo do tomate que hoje é vendido a R$ 10 pode chegar a R$ 15.

O índice de preços da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais do Estado de São Paulo - que mede a variação das cotações de alimentos in natura no atacado - indica alta de 9,07% em fevereiro.

Nos itens pesquisados pela Ceagesp, os legumes registraram elevação de 33,89%. A principal alta foi a do tomate, de 67,4%.

 

´

Vilão. O preço médio por quilo no atacado passou de R$ 1,93 em janeiro para R$ 3,23 em fevereiro, com picos de R$ 5,44, informa Flávio Godas, responsável pela Seção de Economia e Desenvolvimento da Ceagesp.

O produto chegou a acumular alta de 51,6% em 12 meses até fevereiro e virou piada na internet.

Nos primeiros meses do ano passado, o produto chegou a ser vendido a R$ 12,00 o quilo e motivou um movimento de boicote por parte de uma tradicional cantina da cidade.

Apesar disso, o tomate ficou fora das dez maiores altas dos alimentos em 2013. Mas passou perto: subiu 14,74% e ocupou o 11º lugar, atrás do pão francês.

Tudo o que sabemos sobre:
TomateInflação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.