Preços da gasolina nos EUA têm maior queda da história

O preço médio de varejo do galão de gasolina nos Estados Unidos teve a queda mais aguda da história nas últimas duas semanas, com a desaceleração econômica pesando sobre as cotações do petróleo bruto e afastando os consumidores das estradas, de acordo com a última pesquisa Lundberg. Os preços provavelmente cairão mais, mas em um ritmo mais lento, depois das quedas "extraordinárias" deste mês, afirmou o coordenador da pesquisa Trilby Lundberg neste domingo. O preço médio nacional para um galão de gasolina comum era de 2,7785 dólares no dia 24 de outubro, uma queda de aproximadamente 53 centavos por galão nas últimas duas semanas, de acordo com a pesquisa feita em 7.000 postos de gasolina nos EUA. A gasolina está agora aproximadamente um centavo mais barata do que estava há um ano, e aproximadamente 1,33 dólar mais barata em relação ao seu recorde registrado em julho. "A queda é sem precedentes", disse Lundberg em uma entrevista. "Ela foi ditada pelo queda nos preços do petróleo e muito aprofundada pela queda da demanda da gasolina nos EUA." O petróleo fechou em queda de quase 4 dólares por barril na última sexta-feira, com maiores temores de uma recessão global, apesar de a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) ter decidido por um corte na produção da commodity.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.