Preços do comércio varejista caem 0,61% em abril

O Índice de Preços do Comércio Varejista Amplo (IPCV-Amplo), calculado pelo Instituto Fecomércio-RJ, caiu 0,61% em abril ante março, no município do Rio de Janeiro. Segundo o instituto, a redução de preços no comércio do Rio foi menos intensa do que a registrada em março, quando os preços caíram 0,79% em média, ante mês anterior. Porém, o indicador acumula queda de 1,30% nos quatro primeiros meses deste ano e variação negativa de 0,33% em 12 meses. Em abril, a maior queda de preços ante março foi registrada no grupo Alimentação, com produtos 1,97% mais baratos. O comportamento do grupo foi influenciado principalmente pelas quedas nos preços de tangerina (23,66%), tomate (17,32%) e alho (16,78%). Por sua vez, o grupo Vestuário apresentou a maior variação positiva em abril, de 1,20%. Em comparação com março, os artigos que mais aumentaram de preço foram: camisa masculina (1,89%) e tênis (1,82%).Nos últimos 12 meses, a maior variação negativa de preços foi do grupo Alimentação (5,12%). Já a maior alta foi de Despesas Pessoais (15,09%). Para a apuração do IPCV-amplo, são coletados mensalmente 37.840 preços, de 1.892 produtos, em 720 pontos comerciais. A população alvo são as famílias com renda mensal de até 40 salários mínimos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.