Preços do petróleo revertem queda e sobem

Após abrirem a sessão em baixa, os preços do petróleo retomaram o movimento de alta, porém moderada, após o parlamento do Iraque ter, por unanimidade, recomendado que o país rejeite a nova resolução da Organização das Nações Unidas que prevê uma ação mais profunda dos inspetores internacionais de armamentos. Por volta de 8h30 (de Brasília), os contratos futuros do petróleo Brent para dezembro eram negociados a US$ 23,93 por barril, com alta de US$ 0,14 ou 0,59%, na International Petroleum Exchange (IPE), em Londres. Na máxima, esse contrato chegou a valer US$ 24,10. Os contratos do Brent com vencimentos mais longos também reagiram em alta e os contratos de março e abril seguiam nas máximas intraday. Os contratos de março eram cotados a US$ 23,42, com valorização de 0,21%, enquanto os de abril valiam US$ 23,25, com alta de 0,35%. No sistema eletrônico da New York Mercantile Exchange (Nymex), os contratos do petróleo cru para dezembro valiam US$ 26,06 por barril, com valorização de US$ 0,12 ou 0,46%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.