Preços dos hortifrutigranjeiros em queda

Passado o efeito das geadas sobre os aumentos de preços dos hortifrutigranjeiros, os preços começam a cair para os patamares antigos. Segundo pesquisa realizada pelo InformEstado, na semana passada, os preços das frutas, legumes, ovos e verduras caíram em média 2,26% nos supermercados e 0,03% nas feiras livres. A redução chegou primeiro às bancas dos feirantes porque os supermercados têm estoques por um período maior e só modificam os preços após aquisição de um novo lote.Segundo o InformEstado, os itens que apresentaram as maiores quedas nos supermercados foram o quilo da beringela (-12,20%), do tomate (-11,25%) e da cebola (-10,96%). Nas feiras livres, as altas mais representativas foram da dúzia da laranja-pera (20,48%), da unidade do abacaxi (16,67%) e do quilo do abacate (15,85%).Nos principais hiper e supermercados de São Paulo, o custo médio dos mais de 70 produtos avaliados pelo InformEstado apresentou queda de 0,20% em relação à semana anterior. Derivados do leite, que registram aumentos significativos desde o início do ano, foram os itens com maior variação no período, em primeiro ficou a margarina Doriana de 500 gramas, com alta de 6,45%, seguida pelo queijo ralado Teixeira de 50 gramas (5,48%).Cesta básica registrou queda depois de seis semanas de altaNa cesta básica apurada pela Fundação Procon/Dieese, produtos de higiene (com variação de 1,95% em média) foram os que mais contribuíram positivamente no preço. O InformEstado registrou alta de 2,44% no sabonete Lux suave e de 2,16% no desodorante spray Rexona. No fechamento da semana, o valor da cesta ficou em R$ 137,96, 0,88% abaixo da média registrada no período anterior.O Procon aponta esta como a primeira queda após seis semanas consecutivas de alta da cesta, ocasionada principalmente pela redução do preço da carne bovina. Depois de várias semanas entre os primeiros itens de maior peso positivo na cesta, a carne e o frango saíram da lista. Ainda assim, no trimestre, o frango acumula alta de 51,33%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.