Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Preços no atacado e no varejo da China ampliam queda

Os índices de inflação no atacado e no varejo da China caíram mais em abril com a redução dos preços dos alimentos e das commodities, mas os declínios já eram amplamente esperados e a deflação não deve ser tema de preocupação para a economia no longo prazo.

AE-DOW JONES, Agencia Estado

11 de maio de 2009 | 04h28

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) baixou 1,5% em abril na comparação com o mesmo mês de 2008, marcando o terceiro mês seguido de queda, enquanto o índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) diminuiu 6,6%, no quinto mês consecutivo de declínios acentuados, de acordo com os dados do Escritório Nacional de Estatísticas.

A queda do CPI em abril foi maior do que o 1,2% de março e ficou em linha com a média das previsões de 16 economistas consultados pela Dow Jones. A redução do PPI também foi maior do que os 6% de março e superou a média das projeções, que apontava para uma baixa de 6,5%. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinainflaçãoabril

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.