seu bolso

E-Investidor: O passo a passo para montar uma reserva de emergência

Preços no varejo paulistano sobem 0,17% em setembro

Esta é a nona alta consecutiva; comportamento mais significativo foi verificado no segmento de Supermercados

Pedro Henrique França, da Agência Estado,

10 de outubro de 2007 | 13h54

O preço no varejo da capital paulista sofreu ligeira alta de 0,17% em setembro ante agosto deste ano. Esta foi a nona alta consecutiva e, em 2007, já acumula avanço de 2,69%. Os dados constam do Índice de Preços no Varejo (IPV) apurado pela Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomercio-SP). Dos 21 grupos pesquisados pela entidade, 13 apresentaram incremento nos preços. O comportamento mais significativo foi verificado no segmento de Supermercados, que passou de uma alta de 0,99% em agosto para uma elevação de 0,47% em setembro. Segundo a Fecomercio, os problemas externos da safra, que inflacionavam os preços do leite e seus derivados, foram reduzidos e fizeram com que os preços dos alimentos voltassem aos seus patamares normais, enquanto os produtos in natura ainda mostram sinais de que a estiagem em algumas regiões do Brasil ainda influencia nos preços e na cadeia produtiva.   O IPV é apurado mensalmente pela Fecomercio. Os dados são coletados junto a cerca de 2.000 estabelecimentos comerciais no município de São Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
FecomercioPreços no varejo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.