finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Prédios residenciais invadem Alphaville

Depois de atrair moradores em busca de áreas verdes, planejamento urbano e baixa densidade populacional, a região de Alphaville, em Barueri (SP), agora desperta o interesse de incorporadoras e construtoras de São Paulo. A área é conhecida tradicionalmente por seus condomínios de casas, mas, nos últimos anos, tem passado por um processo de verticalização na área residencial.Segundo estudos da Associação Residencial e Comercial de Alphaville (Area), até o final do ano que vem, a região deve ganhar cerca de um mil novos apartamentos. Entre 2000 e 2007, foram construídas apenas 500 unidades - no total, há hoje cerca de 3 mil apartamentos na região.?Alphaville está virando uma das coqueluches do mercado imobiliário de São Paulo?, diz o superintendente de incorporação da construtora Brascan, Leon Bensoussan. Segundo ele, a redução de oferta de terrenos em bairros de alto padrão da capital paulista impulsiona o avanço das construtoras pela região. A maioria delas, turbinada após abertura de capital na Bolsa de Valores, investe nos empreendimentos de médio e alto padrão. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.