Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Preocupação com zona do euro derruba bolsas da Ásia

Preocupações sobre a crise de dívida da zona do euro reduziram a demanda por ativos de maior risco, como as bolsas de valores asiáticas, fazendo investidores migrarem para comprar títulos do Tesouro dos Estados Unidos, ouro e dólar.

REUTERS

23 de maio de 2011 | 07h44

O índice da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 2,64 por cento às 7h41 (horário de Brasília), ampliando quatro semanas seguidas de declínios.

O euro entrou em forte pressão de venda depois que a agência de classificação e risco Fitch cortou a nota de crédito da Grécia em três pontos na sexta-feira, aprofundando o grau especulativo da dívida do país. No sábado, a rival Standard & Poor's reduziu de "estável" para "negativa" a perspectiva para a Itália. As notícias pioraram o tom já negativo dos mercados de ações.

O índice Nikkei de Tóquio caiu 1,52 por cento e o índice referencial de Sydney perdeu 1,89 por cento por aversão a risco.

A bolsa de Seul retrocedeu 2,64 por cento, derrubada pelo declínio das ações da Hyundai e da Kia Motors, cuja produção está sendo prejudicada por uma greve em um de seus fornecedores.

Em Hong Kong, o mercado caiu 2,11 por cento e a bolsa de Taiwan recuou 1,01 por cento, enquanto o índice referencial de Xangai perdeu 2,93 por cento. Cingapura encerrou em queda de 1,83 por cento.

(Por Saikat Chatterjee)

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAASIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.