FABIO MOTTA/ESTADÃO
FABIO MOTTA/ESTADÃO

Presidente da Câmara confirma votação da Previdência no próximo dia 20

Rodrigo Maia avaliou que, embora não tenha os votos necessários hoje, é possível que os tenha depois do carnaval

Marcelo Osakabe, O Estado de S.Paulo

06 Fevereiro 2018 | 18h26

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, afirmou que está mantida a votação da reforma da Previdência no próximo dia 20 e avaliou que, embora não tenha os votos necessários hoje, é possível que os tenha depois do carnaval.

"Vamos trabalhar. A construção da maioria no Brasil é uma construção lenta. A maioria da população ainda não entendeu a reforma do regime geral de Previdência. A reforma para o setor público sim, são mais de 80% de apoio, mas o regime geral ainda não. Isso impacta a opinião dos deputados e dos governadores", disse após uma reunião com o prefeito João Doria (PSDB), na sede da prefeitura da capital paulista.

++ Planilha mostra que governo só tem 237 votos na reforma da Previdência

Oficialmente, Maia veio conhecer o projeto de reforma da Previdência municipal que Doria enviou à Câmara de Vereadores.

"Hoje não tem 308 votos. Agora, o Brasil é um País em que as coisas mudam tão rápido, quem sabe a gente consegue depois do carnaval, com todo mundo descansando um pouquinho, construir a maioria para aprovar aquilo que for possível para a Previdência", disse, acrescentando ter certeza de que, caso o tema seja aprovado, o Brasil pode chegar ao final do ano com uma taxa de desemprego abaixo de 9%. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.