Presidente da Michelin morre em naufrágio na França

O presidente da empresa francesa Michelin, Edouard Michelin, morreu afogado hoje após o naufrágio do barco de pesca em que navegava, perto da ilha de Sein, na Bretanha (noroeste), confirmou à EFE uma porta-voz da fabricante de pneus.Michelin, de 43 anos, navegava junto com o presidente do comitê de pesca da cidade de Audierne, Guillaume Normant, que segue desaparecido e sendo procurado pelas equipes de salvamento.Os dois tinham partido pela manhã para pescar nas proximidades da ilha de Sein, e as causas do naufrágio ainda são desconhecidas.Fontes que trabalham no local apontaram que o mar estava calmo pela manhã, embora um nevoeiro tenha ocorrido no início da tarde.Descendente da saga familiar fundadora da empresa, Edouard Michelin chegou à presidência da firma nos anos 90.A Michelin divulgou uma nota informando que o executivo Michel Rollier assumirá a direção do grupo após a morte de Edouard.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.