carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Presidente da Varig deixa o comando da empresa

As discordâncias entre a atualadministração da Varig e os acionistas majoritários do grupo, aFundação Ruben Berta (FRB), levaram à queda do atual presidenteda companhia, Arnim Lore, que ocupa o cargo desde o agosto.Amanhã à tarde, o executivo anuncia, em entrevista coletiva, suarenúncia da presidência do Conselho de Administração da holdingque controla o Grupo Varig, a FRB-Par, em conjunto com os outrosconselheiros - o ex-ministro do Desenvolvimento Clóvis Carvalho,o ex-secretário de Política Econômica José Roberto Mendonça deBarros e o economista Luís Spínola. "Sou um funcionário da Varig, e certamente vou deixar apresidência da empresa por iniciativa do próximo conselho",afirmou hoje à noite. A decisão teria sido tomada na manhã dehoje, em uma reunião em São Paulo, e teve como motivo o veto daFundação Ruben Berta ao memorando de entendimentos com oscredores da empresa. O documento consolidava dívidas no valor deUS$ 118 milhões vencidas ao longo do segundo semestre ereconhecia o prazo até o dia 30 deste mês para o pagamento. A assinatura do memorando pela FRB também erafundamental para a liberação de recursos pelo Banco Nacional deDesenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para ajudar nareestruturação da empresa. No dia 14, Lore anunciou terencaminhado ao BNDES o plano de negócios da companhia, elaboradopela consultoria americana Bain&Company. A preocupação dos membros do Conselho de Curadores daFundação Ruben Berta, agora, é provar que sua recusa em assinaro memorando não será prejudicial à Varig, num momento em quefornecedores, como a BR Distribuidora, ameaçam executar suasdívidas. Entre outros fatores, a fundação suspeitava que a ajudafinanceira concedida à Varig seria totalmente destinada aopagamento das dívidas de alguns credores, medida que não seriasuficiente para sanear o grupo e beneficiaria apenas osintegrantes do Comitê de Credores, ligado à atualadministração.

Agencia Estado,

24 de novembro de 2002 | 23h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.