Pressão com divulgação de dados de pesquisas

As pesquisas eleitorais que mexem com o mercado financeiro há dias foram finalmente divulgadas e mostraram dados em linha com os rumores. O candidato petista, Luiz Inácio Lula da Silva, cresce e José Serra segue estável em segundo lugar. Ciro Gomes continua perdendo espaço, ficando cada vez mais distante da disputa por um lugar no segundo turno. Com isso, segundo o Ibope, o candidato do PT está com 41% das intenções de voto, contra 45% da somatória de todos os adversários. De acordo com os números do Vox Populi, Lula alcançou 42% e os demais aglutinam 45% das preferências.Ou seja, os temores do mercado de que Lula está perto de vencer a corrida eleitoral no primeiro turno confirmaram-se, apesar de sua candidatura não ter crescido tanto quanto foi comentado (os boatos apontavam o candidato do PT com 44%). Além disso, embora tenha ficado estável, segundo o Ibope, no levantamento Vox Populi, Serra recuou dois pontos, para 17%. Por isso, os operadores acreditam que isso manterá o mercado nervoso hoje.Na abertura dos negócios, às 9h43, o dólar comercial estava sendo vendido a R$ 3,2910, em alta de 1,26% em relação ao fechamento de ontem. Já no mercado de juros, os contratos de DI futuro com vencimento em janeiro de 2003, negociados na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), pagavam taxas de 21,200% ao ano, frente a 20,920% ao ano negociados ontem. Até entre os analistas estrangeiros, os dados do Ibope e do Vox Populi foram mal recebidos nesta manhã. Agora, o mercado deve alimentar expectativas em relação aos próximos levantamentos eleitorais já que a campanha Serra intensificou os ataques ao líder de todas as pesquisas.No cenário externo, o presidente Bush continua alimentando as tensões com o Iraque, mesmo depois que Saddam Hussein permitiu a entrada dos investigadores da ONU no país. As bolsas dos EUA sinalizam queda nos negócios feitos nos mercados futuros e as européias também operam no negativo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.