coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Previ abre novo processo eleitoral na segunda

O presidente da Previ, Luiz Tarquínio Sardinha Ferro, anunciou hoje que dará início na segunda-feira a um novo processo eleitoral no fundo de pensão, desta vez já seguindo as determinações fixadas na nova Lei Complementar 108. Após quatro tentativas frustadas de obrigar as chapas inscritas a se ajustarem nos últimos sete dias, o executivo interpretou que os candidatos não querem dar continuidade ao processo e decidiu abrir novas eleições. A expectativa de Tarquínio é de que o novo processo leve, em média, 30 dias. Tanto que já comunicou à Justiça que não poderá cumprir a determinação de encerrar as eleições até o dia 31 de maio. A 2ª Câmara do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro havia determinado esse prazo para o processo, mas também que a Lei Complementar fosse cumprida. "As chapas estavam se valendo de interpretações próprias e subjetividades semânticas para não se adaptarem", disse. "Não posso obrigar ninguém a fazer o que não quer."

Agencia Estado,

24 de maio de 2002 | 18h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.