Previ sob intervenção da Previdência

A Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil (Previ) está sob intervenção do Ministério da Previdência Social. A secretaria de Previdência Complementar nomeou hoje para a Diretoria Fiscal da Previ o funcionário do Banco Central, Dimas Luiz Rodrigues da Costa. O problema detectado pela secretaria é o desenquadramento da Previ na norma prevista na emenda constitucional nº 20, que determina que a contribuição da patrocinadora não pode ser superior à contribuição dos funcionários para a aposentadoria. No caso da Previ, para cada R$ 1 de contribuição do associado, a patrocinadora contribui com R$ 2,82.

Agencia Estado,

18 de dezembro de 2000 | 14h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.