Previdência reduz projeção de déficit no ano para R$ 42 bi

O secretário de Previdência Social do Ministério da Previdência, Helmut Schwarzer, informou hoje que a projeção oficial do ministério para o déficit previdenciário deste ano foi reduzida em R$ 1 bilhão, passando dos R$ 43 bilhões estimados inicialmente para R$ 42 bilhões.Segundo ele, a crescente arrecadação da Previdência pela maior formalização da mão-de-obra e o crescimento mais moderado dos gastos do INSS com benefícios contribuíram para a reestimativa do déficit.De acordo com os dados divulgados hoje, no período acumulado de janeiro a abril deste ano, o déficit acumulado em R$ 12,663 bilhões representa uma queda de 15,3% em relação ao déficit acumulado no mesmo período do ano passado. "Estamos caminhando para ter uma queda significativa no déficit este ano", assinalou o secretário de Previdência Social.Ele declarou, pela primeira vez, que a projeção mais otimista do Tesouro Nacional para o déficit deste ano da Previdência, de R$ 40,5 bilhões, pode ocorrer. Essa estimativa foi divulgada no fim de março, no decreto de reprogramação orçamentária. "A continuar a expansão atual do mercado de trabalho, essa projeção é viável", concluiu Schwarzer.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.