Previsão do tempo aponta maior umidade para áreas de café e cana do Brasil

As áreas de produção de café e cana-de-açúcar do Sudeste do Brasil, afetadas por períodos de seca ao longo deste ano, têm agora mais chances de registrar chuvas nas próximas duas semanas, disseram institutos de meteorologia nesta sexta-feira.

REUTERS

17 de outubro de 2014 | 09h41

O Commodities Weather Group, dos Estados Unidos, disse que cresceram as chances de chuvas com maiores volumes para dentro de seis a quinze dias. O CWG alertou, no entanto, que ainda há a possibilidade de que as chuvas não atinjam mais da metade das áreas de cultivo de café e cana.

Já a Somar Meteorologia, de São Paulo, também ampliou sua previsão, indicando uma retomada das chuvas generalizadas no Sudeste para o início da próxima semana.

(Por Reese Ewing)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSCAFECANACHUVA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.