Principal índice europeu fecha no menor nível em 14 semanas

O principal índice das açõeseuropéias fechou em baixa nesta sexta-feira, atingindo o menornível desde 17 de março, em meio à preocupação com o setorfinanceiro, a alta do petróleo e o aumento da inflação. De acordo com dados preliminares, o índice FTSEurofirst 300caiu 1,63 por cento, para 1.224 pontos. Na semana, a quedaacumulada foi de 3,4 por cento. O grupo financeiro belgo-holandês Fortis recuou 4,8 porcento, a concessora britânica de hipotecas HBOS caiu 5,1 porcento, o banco suíço UBS perdeu 3,3 por cento e o alemãoDeutsche Bank teve baixa de 3,1 por cento. O Erste Bank atribuiu a queda à alta do petróleo, àpersistente incerteza causada pela crise financeira, à alta doeuro e ao aumento da inflação. "A não ser que esses parâmetros essenciais mudem, esperamosuma performance fraca do mercado de ações", afirmou em nota. Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em baixa de1,53 por cento, a 5.620 pontos. Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 2,12 por cento, para 6.578pontos. Em PARIS, o índice CAC-40 recuou 1,79 por cento, para 4.509pontos. Em MILÃO, o índice Mibtel encerrou em queda de 1,75 porcento, a 23.127 pontos. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou perda de 1,37 porcento, para 12.412 pontos. Em LISBOA, o índice PSI20 teve desvalorização de 1,93 porcento, para 9.657 pontos. (Reportagem de Peter Starck)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.