Private banking soma R$ 532 bi no semestre, diz Anbima

O segmento de private banking atingiu o montante de R$ 532,43 bilhões em ativos sob gestão no primeiro semestre do ano, segundo dados da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima), divulgados nesta quinta-feira, 15. O montante representa leve alta, de 0,98%, no ano. Em dezembro de 2012, foram registrados R$ 527,26 bilhões.

GABRIELA FORLIN, Agencia Estado

15 de agosto de 2013 | 11h17

Os fundos correspondem a 48,4% do total acumulado, somando R$ 257,75 bilhões - crescimento de 5,38% em 2013. Os títulos e valores mobiliários têm 44,9% de participação, com R$ 238,99 bilhões. Estes instrumentos tiveram queda de 4,21% em relação ao número contabilizado ao final de 2012.

O segmento caixa/poupança foi para R$ 2,67 bilhões - 0,5% de participação do total e queda de 34,33% quando comparado aos R$ 4,07 bilhões registrados em dezembro do ano passado. O setor de previdência aberta, que corresponde a 6% do total, atingiu R$ 31,89 bilhões - evolução de 14,3% no ano. "Outros investimentos" apresentaram queda de 6,72% em 2013, para R$ 1,1 bilhão, correspondendo a 0,2% do total.

Domicílio

Os R$ 532,43 bilhões em ativos sob gestão estão divididos por domicílio do cliente da seguinte forma: 56,3% em São Paulo, 17% no Rio de Janeiro, 5,6% em Minas Gerais e no Espírito Santo, 12,5% no Sul, 2,5% no Centro-Oeste, 5,7% no Nordeste e 0,4% no Norte.

Tudo o que sabemos sobre:
private bankinganbima1º semestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.