carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Privatização da Air France é uma necessidade, diz ministro

Os problemas enfrentados pela companhia aérea francesa Air Lib não interromperão as ações do governo para privatizar a Air France, disse o secretário dos Transportes, Dominique Bussereau. "A privatização da Air France não é uma decisão ideológica, mas uma necessidade óbvia", afirmou Bussereau em entrevista ao jornal Le Figaro no último sábado. O governo pretende realizar a privatização da Air France "o mais rápido possível", acrescentou o secretário. O governo francês afirma que privatizará a Air France, na qual detém 54%, quando as condições de mercado melhorarem, provavelmente dentro de seis meses a um ano. O governo autorizou a Air Lib a continuar operando até 31 de janeiro de 2003, já que a companhia busca melhorar suas finanças, via uma parceria com a holandesa IMCA. "A IMCA nos assegurou o seu interesse na Air Lib Express (operadora de baixo custo da companhia) e ao mesmo estudar as operações de longo alcance", disse ele. As informações são da agência Dow Jones.

Agencia Estado,

18 de novembro de 2002 | 11h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.