Privatização da TAP-Air Portugal começa com uma unidade

O processo de privatização da companhia aérea TAP-Air Portugal iniciará com a operação de manuseio da empresa. Uma lista de possíveis parceiros estratégicos está sendo preparada, segundo informações do jornal Diário Econômico. A TAP será dividida em três unidades: manuseio, manutenção e transportes, sendo que cada uma será vendida separadamente. Com relação à unidade de manuseio, que administra a logística em terra e bagagens, os possíveis parceiros incluem a GlobeGround, ServiceAir, Aviapartner e Menvies, dentre outras empresas, afirma o jornal português.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.