bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Processo de privatização da TAP será retomado em julho

O processo de privatização da empresa aérea portuguesa TAP, interrompido por causa da crise no setor decorrente do 11 de setembro, será retomado a partir do mês que vem. A informação foi dada à Agência Estado pelo presidente da empresa, o brasileiro Fernando Pinto. Um primeiro passo será verificar se os seis grupos que durante o primeiro semestre do ano passado manifestaram a intenção de concorrer à privatização da empresa ainda estão interessados. Segundo Fernando Pinto, a empresa, atualmente a companhia aérea européia com maior número de vôos semanais para o Brasil, num total de 35, conseguiu num momento de dificuldades do mercado internacional ter um crescimento no faturamento e o plano para este ano é de ficar sem prejuízos.Este ano, a TAP está um pouco abaixo do planejado pela administração de Fernando Pinto: "Abril foi um mês ruim, maio foi dentro do planejado e junho está bom, mas ainda dentro das previsões. Nós fizemos uma previsão bastante puxada". De julho a setembro, que são os meses de verão no hemisfério norte, os vôos estão cheios. Em relação ao Brasil, Fernando Pinto conta que a ocupação dos vôos teve uma queda em abril. "Agora recuperamos. Está praticamente no mesmo nível que o restante da empresa, que é cerca de 70%".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.