Procon alerta sobre recall do BMW X5

A Fundação Procon-SP, órgão de defesa do consumidor ligado ao governo estadual, alerta os consumidores sobre o recall do veículo BMW X5 produzidos entre agosto de 1999 e fevereiro de 2001. Na última sexta-feira, a BMW do Brasil Ltda. publicou em jornal convocação aos proprietários destes veículos para o conserto de uma falha no eixo de acionamento do pedal de freio, que está provoca o enfraquecimento da fixação do pedal.No comunicado, segundo o Procon-SP, a empresa informa ter constatado que, "sob circunstâncias muito adversas, poderá existir uma falha no eixo de acionamento do pedal de freio, ocasionando o enfraquecimento da fixação do pedal". E que "este defeito é extremamente raro, e poderá ser notado pelo motorista ao utilizar o pedal de freio".A BMW do Brasil alega que esta "Ação de Fábrica consiste na introdução de um pino elástico no mecanismo de fixação do pedal de freio, e leva cerca de 1 hora para execução, sem qualquer ônus ao cliente", avisa o Procon-SP. A montadora que colocou à disposição dos consumidores o telefone 0800-553578 para esclarecimentos.Procon vai notificar a empresaO Procon-SP informa que vem acompanhando atentamente convocações desse tipo e que está notificando a empresa a prestar os esclarecimentos que se fizerem necessários, conforme determinações do Código de Defesa do Consumidor (CDC). O artigo 10 do CDC estabelece que: "O fornecedor não poderá colocar no mercado de consumo produto ou serviço que sabe ou deveria saber apresentar alto grau de nocividade ou periculosidade à sua saúde ou segurança."Os técnicos do Procon-SP orientam o consumidor a exigir o comprovante de que o serviço foi efetuado, documento que deverá ser conservado enquanto estiver de posse do veículo, acompanhado também a documentação em caso de sua eventual venda. A Fundação Procon-SP informa ainda que os proprietários dos veículos citados não precisam se dirigir necessariamente à concessionária na qual adquiriram o carro, mas a qualquer revendedor da BMW do Brasil Ltda. em todo o País.Caso o consumidor encontre dificuldade em reparar o efetuar os devidos reparos (falta de peças, demora na conclusão dos serviços, etc) poderá efetuar reclamação junto à Fundação Procon-SP. O órgão atende pessoalmente nos postos do Poupatempo Sé (Pça. do Carmo, s/n), Santo Amaro ( R. Amador Bueno, 176/258) ou Itaquera (ao lado do Metrô Itaquera); por carta Caixa Postal 3050 CEP 01061-970 SP-SP; por fax (0xx11) 3824-0717; por telefone 1512; ou para obter informação sobre reclamações contra fornecedores (0xx11) 3824-0446.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.