Procon aponta estabilidade nos juros ao consumidor

De acordo com pesquisa do Procon-SP, os juros bancários não apresentaram variações significativas nas taxas médias deste mês. Das dez instituições pesquisadas, apenas uma elevou sua taxa de empréstimo pessoal. As demais instituições mantiveram as mesmas taxas.A taxa média dos bancos pesquisados foi de 5,19% ao mês, superior à do mês anterior, que foi de 5,14% ao mês, o que significa um acréscimo de 0,05 pontos percentuais. Ao ano, a taxa equivalente é de 83,55%. A única alta verificada na taxa de empréstimo pessoal foi do HSBC, que alterou de 4,54% para 5,01% ao mês, uma alta de 0,47 pontos percentuais. As demais instituições mantiveram suas taxas inalteradas.Na taxa do cheque especial, não houve alterações. A taxa média dos bancos pesquisados manteve-se em 7,99% ao mês, sem alterações em relação a setembro. A taxa anual equivalente está em 151,40%. Este é o terceiro mês consecutivo que não ocorre alteração nas taxas de juros do cheque especial.A pesquisa de taxas de juros de empréstimo pessoal e cheque especial para pessoa física foi realizada nos dias 5 e 6 de outubro. Os bancos pesquisados foram HSBC, Banespa, Bradesco, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Itaú, Santander, Nossa Caixa, Real e Unibanco.Veja no link abaixo os dados da pesquisa de juros do Procon.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.