Fabio Motta/Estadão
Fabio Motta/Estadão

Procon notifica Avianca por falta de informação sobre voos cancelados

Companhia aérea deve prestar esclarecimentos e pode ser multada caso não cumpra o Código de Defesa do Consumidor

Redação, O Estado de S.Paulo

06 de fevereiro de 2019 | 19h45

A Fundação Procon-SP decidiu notificar a companhia aérea Avianca após uma série de cancelamentos de voos. A empresa recebeu notificação para prestar esclarecimentos sobre viagens que deveriam ocorrer a partir de 31 de março com destino a Nova York, Miami e Santiago do Chile.

O órgão exige que a companhia aérea informe a quantidade de consumidores prejudicados pela medida, quais as soluções adotadas pela empresa – como devolução do valor pago pelas passagens ou possibilidade de remarcar o voo em uma concorrente – e canais disponibilizados para o atendimento dos afetados.

Caso as respostas não estejam de acordo com o Código de Defesa do Consumidor, a Avianca poderá ser multada pelo Procon.

Por meio de sua assessoria de imprensa, a companhia aérea afirmou que os passageiros com bilhetes comprados para esses destinos já estão sendo contatados em ordem cronológica. “A companhia vai entrar em contato com os clientes que têm passagens marcadas para abril ainda no mês de fevereiro”, diz a nota.

Ainda de acordo com a empresa, é possível pedir reembolso integral do valor pago na tarifa, com ressarcimento em até sete dias, ou escolher voar com outra companhia. Aponta também que criou um canal online para esclarecer dúvidas dos consumidores.

Em recuperação judicial desde dezembro, a Avianca soma quase R$ 500 milhões em dívidas, sem considerar os débitos das arrendadoras.

Tudo o que sabemos sobre:
Aviancaaviação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.