Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Procon-SP: cesta básica subiu 0,95% em maio

No mês de maio deste ano, o valor da cesta básica na cidade de São Paulo subiu 0,95%, segundo pesquisa diária do Procon-SP, órgão de defesa do consumidor ligado ao governo estadual, em convênio com o Dieese. O preço médio, que no dia 30 de abril era R$ 145,20, passou para R$ 146,58 no dia 31 de maio. No acumulado do ano, a alta está em 3,64%, e nos últimos 12 meses, em 12,30%. Por grupo foram constatadas as seguintes variações: Alimentação, não apresentou alteração, Limpeza 6,17% e Higiene Pessoal 2,75%. Durante o mês, os produtos que mais subiram foram: sabão em pó (8,73%), creme dental (7,95%), queijo muzzarela (7,73%), farinha de trigo (6,94%), sabonete (6,25%). As maiores quedas foram: absorvente (10,78%), cebola (10,32%), frango resfriado (8,38%), batata (7,82%), salsicha avulsa (3,29%). Neste mês os supermercados que tinham os melhores preços da cesta básica por região foram:São PauloBarateiroR. das Palmeiras, 187. S. CecíliaRegião CentralBarateiroR. das Palmeiras, 187. S. Cecília Região NorteAndorinhaAv. Parada Pinto, 2262. V. AmáliaRegião LesteEstrela AzulPça. Porto Ferreira, 48 A V. GuilherminaRegião SulSondaR. Darwin, 47. Jd. Sto. AmaroRegião OesteCastanhaPç. S. Edwiges, 29. V. Remédios

Agencia Estado,

01 de junho de 2001 | 09h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.