Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Procon-SP reformula sua página na Internet

Com o objetivo de melhorar a navegação e o acesso dos internautas às informações sobre o órgão e a defesa do consumidor, a Fundação Procon-SP, órgão de defesa do consumidor ligado ao governo estadual, reformulou a sua página na Internet. Boa parte das mudanças implementadas na página da Fundação Procon-SP se constituem em atendimento a sugestões de consumidores internautas feitas à Ouvidoria da instituição.Uma das principais preocupações na hora de construir a nova página foi a de facilitar o acesso às informações e, por isso, o novo site conta com links que promovem uma "navegação intuitiva". Nesse sentido foram colocadas chamadas das novas inclusões no site, bem como ferramentas de busca (em todas as páginas, nos cadastros de 2000 e 2001, nos órgãos conveniados), mapa do site, atalhos ("Para saber mais")A Fundação Procon-SP tem como um dos seus princípios básicos promover a educação para o consumo e um dos canais mais eficientes tem sido a Internet. Desde que entrou no ar, em maio de 1999, a página do órgão paulista já teve mais de 500 mil visitantes.A nova página (veja link abaixo ) já está no ar com uma grande quantidade e variedade de informações técnicas e de legislações ligadas à defesa do consumidor: - 51 leis federais, estaduais, municipais e, incluindo versões em inglês e espanhol do Código de Defesa do Consumidor (feitas pela Fundação Procon-SP); - 229 respostas às perguntas mais freqüentes trazidas pelos consumidores ao atendimento do Procon-SP; histórico, balanços anuais, mensais e semanais da pesquisa cesta básica Procon/Dieese; - cadastro de reclamações fundamentadas do órgão (anos de 2000 e 2001); - uma lista de 92 recalls promovidos no Brasil desde dezembro de 1999 até o final de setembro deste ano; - 130 press releases com alertas, orientações preventivas e direitos do consumidor divulgados na imprensa desde 1999; - versões on line de 44 folhetos Procon Informa e cartilhas e folhetos já elaborados pela Fundação e distribuídos gratuitamente à população. O internauta pode encontrar ainda, informações institucionais completas sobre o Procon-SP, a defesa do consumidor no Brasil e no Mundo, organograma da instituição, órgãos municipais conveniados no Estado de São Paulo, além da lei e decreto de instituição e regulamentação da Fundação Procon-SP.A página possui um espaço para consulta eletrônica que, este ano até agosto já efetuou 31.842 atendimentos, o que corresponde a 12,20% do total de atendimentos à população feitos pela Fundação.

Agencia Estado,

12 de novembro de 2002 | 12h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.