Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Procter & Gamble deve começar a atuar no RJ em breve

O governo do Estado do Rio de Janeiro informou hoje, em comunicado, a assinatura de protocolo de intenções com a gigante americana do setor de consumo Procter & Gamble (P&G), para que a empresa opere no Estado fluminense. Segundo a nota, o Estado do Rio foi escolhido pela empresa para ampliar seus negócios no Brasil e na América Latina.A assinatura ocorreu hoje no Palácio Guanabara, com a presença do governador do Estado, Sérgio Cabral, e do presidente da Procter & Gamble no Brasil, Tarek Farahat. No evento, Farahat disse que estuda a possibilidade de exportar seus produtos para a Europa com base no Rio de Janeiro. Ainda segundo comunicado, o executivo ressaltou que as condições de produção logística; de infra-estrutura; de plano de desenvolvimento e a proximidade com centros de consumo da região Sudeste levaram a empresa à investir no Estado.O investimento será em torno de R$ 50 milhões, que serão alocados na fábrica e em instalações logísticas no Rio de Janeiro. O foco dos produtos da P&G será destinado a itens relacionados aos cuidados com os cabelos (tintura, xampu e condicionador).Também estiveram presentes no evento, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços, Julio Bueno, que informou que a empresa começará a funcionar no Rio de Janeiro dentro de pouco tempo. "No Brasil, a P&G fatura R$ 2 bilhões anualmente e, só no Rio, irá faturar mais de R$ 1 bilhão, além de gerar mais de 200 empregos", informou Bueno, no comunicado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.