Produção de açucar e álcool superam estimativas

A União Nacional da Agroindústria Canavieira (Unica) estima em 20 milhões de toneladas a produção de açúcar do Centro-Sul na safra 2003/04 . O número faz parte do quarto levantamento da safra, é superior às 18,8 milhões de toneladas produzidas na safra passada e também supera a estimativa de agosto, que mostrava um volume entre 19 e 19,3 milhões de toneladas. Segundo Antonio de Pádua Rodrigues, diretor de Unica, o aumento na produção deveu-se ao maior volume de chuvas registrado no final do ano passado e à seca dos últimos meses, o que acelerou a colheita. A estimativa para o álcool é de uma produção de 12,3 bilhões de litros, superando os 11,2 bilhões de litros produzidos na safra anterior. No Centro-Sul a produção de cana, segundo a quarta estimativa, ficará em 291,4 milhões de toneladas, volume também superior às 270,4 milhões de toneladas da safra 2002/03. A produção no Centro-Sul mostra-se mais alcooleira que na safra anterior, com um mix de produção de 51,3% de álcool ante 48,7% de açúcar. Na safra passada, o mix foi de 50,2% de álcool e 49,8% de açúcar. A Unica também divulgou uma estimativa de produção para todo o Brasil. Segundo essa estimativa, a produção brasileira de açúcar ficará em 23,9 milhões de toneladas, alta de 6%, e a produção de álcool em 13,9 bilhões de litros, alta de 9,6%. A produção total de cana deve ficar em 343,7 milhões de toneladas, alta de 7%. No que se refere à exportação, o Centro-Sul deve enviar ao exterior 11,6 milhões de toneladas de açúcar e 500 milhões de litros de álcool. A expectativa é de que o estoque final desta safra seja de 790 mil toneladas de açúcar e 710 milhões de litros de álcool.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.