Produção de alimentos industrializados recua em setembro

A indústria de alimentação apresentou em setembro um recuo de 2,56% frente ao desempenho de agosto, de acordo com pesquisa conjuntural realizada pela Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (Abia). As vendas reais, deflacionadas pelo índice da Fipe para alimentos industrializados e semi-elaborados, assim como o faturamento total, também caíram 3,64% e 3,63%, respectivamente. Para o diretor econômico da Abia, Denis Ribeiro, o desempenho do mês foi satisfatório. A queda se deu porque em agosto, com o fim das férias de julho, as vendas haviam subido. Ele disse que as indústrias de alimentação devem fechar o ano com um crescimento de 4,5% na produção física. Apesar de o setor ter recuado em setembro, o levantamento identificou que frente a igual mês de 2003 os resultados obtidos neste ano foram positivos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.