Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Produção industrial da zona do euro tem queda recorde

Queda foi de 2% em março em relação a fevereiro e 20,2% na comparação com março do ano passado

CYNTHIA DECLOEDT, Agencia Estado

13 de maio de 2009 | 09h48

A produção industrial da zona do euro (16 países europeus que compartilham a moeda) caiu 2% em março em relação a fevereiro e 20,2% na comparação com março do ano passado, segundo dados divulgados nesta quarta-feira, 13, pela agência de estatísticas da União Europeia, Eurostat. A queda anual de mais de 20% é a mais profunda desde que os registros foram iniciados em janeiro de 1990, disse a Eurostat.

 

Veja também:

especialAs medidas do Brasil contra a crise

especialAs medidas do emprego

especialDe olho nos sintomas da crise econômica 

especialDicionário da crise 

especialLições de 29

especialComo o mundo reage à crise

A queda superou o previsto pelos economistas, que esperavam retração mensal de 1,2% em março e de 18,2% em comparação a março de 2008.

Os dados de fevereiro foram revisados em baixa. Pelos novos cálculos, a produção industrial cedeu 2,5% em fevereiro, em base mensal, e 19,1% em base anual. Anteriormente, a Eurostat havia informado queda mensal de 2,3% da produção industrial em fevereiro e de 18,4% em base anual. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
indústriazona do euro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.